FILHOS DA PROMESSA OU FILHOS DA ESCRAVIDÃO?

O Senhor apareceu a Abrão e disse: "À sua descendência darei esta terra". Abrão construiu ali um altar dedicado ao Senhor, que lhe havia aparecido. Gênesis 12:7

Quero te levar a pensar nas promessas que Deus tem para sua vida. O que Ele já te prometeu. Pense nas coisas mais íntimas no seu coração, nos seus desejos, suas vontades, no propósito do Senhor. Quero te levar a pensar talvez nos vários momentos que se prostrou para ouvir a voz do Senhor, chorou, e recebeu dEle respostas sobre coisas ainda por vir. Se esse não é seu caso, quero aqui ser boca do Senhor para sua vida. Os sonhos dEle para ti, são sonhos para te fazer prosperar, te dar o melhor dessa terra e te fazer um filho(a) amado. Não tenha dúvidas de que para sua vida, estão guardadas grandes promessas!

Contudo a promessa do Senhor para minha e para sua vida, obedecem o tempo dEle, a vontade dEle, que é boa, perfeita e agradável. Mas nosso coração enganoso, teima em duvidar, quando o fator tempo difere entre espírito e carne. Nosso Senhor utiliza-se muitas vezes desse método para tratar nosso coração, aumentar nossa fé e trabalhar a confiança que necessitamos ter para avançar em intimidade com o Espirito.

Te convido a ir fundo na tentativa de viver o tempo do Senhor para sua vida!

Ora, Sarai, mulher de Abrão, não lhe dera nenhum filho. Como tinha uma serva egípcia, chamada Hagar, disse a Abrão: "Já que o Senhor me impediu de ter filhos, possua a minha serva; talvez eu possa formar família por meio dela". Abrão atendeu à proposta de Sarai. Quando isso aconteceu já fazia dez anos que Abrão, seu marido, vivia em Canaã. Foi nessa ocasião que Sarai, sua mulher, entregou sua serva egípcia Hagar a Abrão. Ele possuiu Hagar, e ela engravidou. Gênesis 16:1-4

O que acontece é que ao nos depararmos com a demora, aos olhos humanos, nos retiramos da presença do Senhor para tentar “resolver com as próprias mãos” e nos esquecemos daquilo que antes nos fora prometido. Abraão e Sarah preferiram resolver da sua maneira, do que aguardar o tempo daquele possui o poder para realizar todas as coisas. Dessa maneira, um filho veio, não o prometido pelo Senhor, mas um gerado pela escrava.

“Quando Abraão estava com noventa e nove anos de idade o Senhor lhe apareceu e disse: "Eu sou o Deus Todo-poderoso; ande segundo a minha vontade e seja íntegro. Estabelecerei a minha aliança entre mim e você e multiplicarei muitíssimo a sua descendência". Abrão prostrou-se, rosto em terra, e Deus lhe disse: "De minha parte, esta é a minha aliança com você. Você será o pai de muitas nações.” Gênesis 17:1-4

“Abraão prostrou-se, rosto em terra; riu-se e disse a si mesmo: "Poderá um homem de cem anos de idade gerar filhos? Poderá Sara dar à luz aos noventa anos?" Gênesis 17:17

Então disse o Senhor: "Voltarei a você na primavera, e Sara, sua mulher, terá um filho". Sara escutava à entrada da tenda, atrás dele. Abraão e Sara já eram velhos, de idade bem avançada, e Sara já tinha passado da idade de ter filhos. Por isso riu consigo mesma, quando pensou: "Depois de já estar velha e meu senhor já idoso, ainda terei esse prazer?". Mas o Senhor disse a Abraão: "Por que Sara riu e disse: ‘Poderei realmente dar à luz, agora que sou idosa?" Existe alguma coisa impossível para o Senhor? Na primavera voltarei a você, e Sara terá um filho". Gênesis 18:10-14

Conforme se verifica o decorrer dessa história, o filho da promessa veio. E desse filho tudo aquilo que havia sido prometido pelo Senhor se cumpriu, todos os sonhos, tudo pensado era incrivelmente melhor do que o imaginado! O tempo de Deus era diferente do tempo do coração de Abraao e Sarah, eles fizeram por suas próprias maos, mas o Senhor no tempo certo, fez que a promessa se cumprisse pelas mãos dEle!

"Digam-me vocês, os que querem estar debaixo da lei: Acaso vocês não ouvem a lei? Pois está escrito que Abraão teve dois filhos, um da escrava e outro da livre. O filho da escrava nasceu de modo natural, mas o filho da livre nasceu mediante promessa. Isso é usado aqui como uma ilustração; estas mulheres representam duas alianças. Uma aliança procede do monte Sinai e gera filhos para a escravidão: esta é Hagar.Hagar representa o monte Sinai, na Arábia, e corresponde à atual cidade de Jerusalém, que está escravizada com os seus filhos. Mas a Jerusalém do alto é livre, e essa é a nossa mãe." Gálatas 4:21-26

Não sei qual tipo de aliança você tem buscado em sua vida, mas te encorajo hoje a buscar e esperar pelo tempo do Senhor. Não tente resolver por suas próprias mãos. São nessas tentativas errôneas que escolhemos a pessoa errada para nos casar, ao invés da promessa, nessas escolhas escolhemos o ministério errado, trocamos de igreja, fazemos uma sociedade no trabalho, buscamos o enriquecimento a qualquer custo, fazemos amizades que nos jogam para um buraco espiritual e muito mais... quando na verdade, só precisávamos aguardar o cumprimento da promessa que já foi feita por nosso Pai, que tanto nos ama e só tem o melhor para a minha e para sua vida!

Sei que esperar dói, meu caro amigo(a), mas as consequências das escolhas feitas fora do tempo e da vontade de Deus, podem trazer feridas e nos machucar de maneiras inimagináveis. Até a dor sentida na presença de Deus, é composta de sabedoria, conhecimento e amadurecimento; pois ainda que eu ande pelo vale da sombra da morte, mesmo que esse vale venha me trazer medos, ansiedades, pânicos, dúvidas, incertezas e ate dores, eu sei que eu posso sofrer, mas esse sofrimento será consolado pelo Teu cajado e por Tua vara, e dessa maneira terei certeza que em todas essas situações Tu estás comigo, e que é melhor passar por elas acompanhado do Senhor.

Aguarde o cumprimento da promessa em sua vida, confiantes de que o melhor estar por vir, e certos de que ele virá! Pois o Deus que te prometeu não é homem para que minta, nem filho do homem para que se arrependa. Ele é Pai de amor, e tem o melhor para seus filhos!

Luiz Rosas